Dói.

images (1)

Dói não receber mais o seu bom dia;
Dói não dormir com o seu boa noite;
Dói não escutar mais o barulho das suas notificações;
Dói não ter mais você para contar sobre as coisas aleatórias que acontecem na minha rotina;
Dói não acompanhar mais a sua vida;
Dói não ter a certeza que você está bem;
Dói não fazer mais parte dos seus dias;
Dói não saber como trazer você novamente para minha vida;
Dói não saber se um dia vamos conversar novamente;
Dói não saber se vamos ficar juntos no futuro;
Dói.

Sobre meu domingo e filmes clichês que todo mundo deveria assistir.

Oi, friend. Como vai seu domingo?

O meu anda muito corrido, acordei com a minha ansiedade tomando conta do meu corpo e para controlar usei a estratégia de fazer uma faxina aqui em casa e no meu quarto, aproveitei para preparar um almoço leve  e meu chá de hibisco gelado que amo não coloquei fogo na cozinha 😛. Confesso que não estou em um dos meus melhores dias, visto que aconteceram umas coisinhas nesse fim de semana que me deixaram tristinha Xô, energias ruins.

Tirei o restante do domingo para escrever, mas mesmo escrevendo muito ainda tenho que terminar dois contos e alguns textos inacabados eu que lute. Agora pouco estava acompanhando o BBB20 pelo Twitter dois machos tóxicos no paredão e vasculhando o catálogo da Netflix procurando algo leve para assistir. Assim, surgiu a ideia de criar esse post desabafando e indicando dois filmes clichês para você que curte uma vibe de finais felizes.

Daqui a alguns minutos pretendo deitar na minha cama e rever um desses filminhos até agarrar no sono — estou necessitando de algo assim! Let’s go! 🎬🍿

Para todos os garotos que já amei (2018): 

Resultado de imagem para para todos os caras que ja amei gifResultado de imagem para para todos os caras que ja amei gif
Sinopse: Lara Jean ama escrever cartas de amor secretas para seus crushes. Só não contava que um dia elas seriam misteriosamente enviadas!

O date perfeito (2019):
Resultado de imagem para o date perfeito gifResultado de imagem para o date perfeito gif
Sinopse:
Para juntar dinheiro para a faculdade, Brooks criou um app oferecendo seus serviços de falso namorado. Mas tudo se complica quando as coisas se tornam reais.

Deu para perceber que gosto do Noah Centineo? HAHA! Acho esse ator a coisa mais fofa! Fiquei indecisa entre esses dois filmes, mas agora acabei decidindo assistir Para todos os garotos que já amei, pois dia 12 de fevereiro vai estrear o Para todos os garotos: P.S. ainda amo você. Vou lá, friend. 💋

Conversando com minha Psicóloga.

INÍCIO DA SESSÃO

— Tenho sentido uma dor estranha dentro de mim. — falei olhando para o relógio que alertava que ainda faltavam 43 minutos para o atendimento acabar.

— É uma dor física ou dor emocional? — indagou a mulher que estava sentada na poltrona ao meu lado.

— É emocional, mas tem momentos que dói tanto que parece física. Ela aparece sempre quando acordo e só desaparece quando estou dormindo. — falei desviando minha atenção para a porta que estava na minha frente.

— Como você tem tanta certeza que ela desaparece, Agnes?

— Não tenho. Sei lá, como estou dormindo não sinto. Faz sentido?

— Sim. Você está sentindo ela agora?

— Estou. — encolhi meu corpo na poltrona.

— Vamos analisar isso juntas? — assenti e ela continuou. — Quais pensamentos surgem quando essa dor aparece? Tipo, agora.

— Não sei. — falei.

Só que eu sei, mas não quero falar, ainda é cedo para falar sobre isso.

— Vamos pensar de outro jeito. Qual o sentimento que mais se aproxima dessa dor que está ai dentro? — ela apontou para meu peito.

— Douto… Sofia, — tentei escolher as palavras com cautela. — acho que é sau… — parei antes de ter completado a palavrinha que está causando todo esse estrago dentro mim.

— Saudade. — ela completou. Droga. Droga. Droga. Assenti, mesmo sabendo que falei algo que não deveria.

— Quer falar mais sobre isso? — ela perguntou. Não, não, não, não, não… mas as palavras criaram vida na minha boca.

— Dou… Douto… Doutora…

Minha saudade tem uma barba mal feita;
Minha saudade quando tira a barba parece um adolescente de 17 anos;
Minha saudade tem um sorriso encantador;
Minha saudade passa a maior parte do tempo sorrindo com os olhos;
Minha saudade tem olhos castanhos;
Minha saudade tem uma voz linda;
Minha saudade é indeciso em relação ao corte de cabelo;
Minha saudade tem o sonho de se casar;
Minha saudade quer ter filhos;
Minha saudade quer construir uma família;
Minha saudade tem o sonho de morar no campo;
Minha saudade tem o sonho de viajar para exterior;
Minha saudade sabe escrever os melhores textos;
Minha saudade é companheiro nos momentos bons e ruins;
Minha saudade é empático;
Minha saudade é amigo;
Minha saudade é gentil;
Minha saudade é carismático;
Minha saudade é carinhoso;
Minha saudade é muito família;
Minha saudade é conhecido como o conselheiro amoroso de todo mundo;
Minha saudade é sincero mesmo quando sabe que algo pode machucar;
Minha saudade ama comer arroz de forno;
Minha saudade gosta de beber cerveja;
Minha saudade é safado;
Minha saudade é defensor dos animais;
Minha saudade ama cachorros;
Minha saudade ama praia;
Minha saudade ama cozinhar;
Minha saudade gosta de correr;
Minha saudade ama dias frios quando tem uma companhia;
Minha saudade gosta do barulho da chuva;
Minha saudade gosta de comentar as series que assiste;
Minha saudade fica charmoso usando roupas pretas.
Minha saudade tem bom gosto para música;
Minha saudade é intenso;
Minha saudade fica ainda mais lindo quando está pistolinha;
Minha saudade é do signo de Sagitário com ascendente em Leão;
Minha saudade tem 1,75 de altura;
Minha saudade tem 26 anos;
Minha saudade mora 3023 km daqui;
Minha saudade está muito longe agora;
Minha saudade…

Minha voz foi abafada com o choro que não conseguia mais conter.

— É uma pessoa. — ela pontuou me oferecendo uma caixinha de lenços e continuou. — Tudo bem sentir saudade, Agnes. Tudo bem sua saudade ser uma pessoa.

Isso é uma beste… Pera, pode ser verdade. Puta que pariu… É verdade! Parece algo simples. Só que faz todo o sentido. Todo esse tempo estou tentando entender essa dor, mas não é isso que tem me incomodado.

Olhei para o relógio… Ainda tenho 15 minutos de atendimento.

Chegou a hora.

Preciso falar sobre isso.

— O nome dele é…

FIM DA SESSÃO

Você, meu Cérebro, meu Coração e eu.

Tudo aqui dentro está doendo, mas não me arrependo de nada que vivemos.

Quando te conheci naquele site aleatório não pensava que iria sentir algo por você.

Naquela noite meu Coração ficou aflito com a sua chegada, pois o último que ficou hospedado dentro dele causou um estrago que ainda estávamos consertando. Por isso decidimos deixar você apenas hospedado com o meu Cérebro.

Em pouco tempo nos tornamos amigos. Compartilhamos momentos, sorrisos e choros. Ficamos inseparáveis. Acordava com seu bom dia e iria dormir com o seu boa noite. Construímos uma intimidade que até meu Coração começou a querer receber suas visitas dentro dele.

Você me ofereceu ajuda para consertar os danos que ainda estavam latentes dentro de mim, a princípio meu Coração ficou assustado e meu Cérebro confirmou que ainda estava cedo.

Continuamos mais amigos que antes e pude conhecer um lado seu que poucos conhecem. Já não estava mais com tanto medo. Queria me entregar para você. Estava na hora de deixar alguém entrar. Conversei com meus dois companheiros, meu Cérebro contestou essa decisão e argumentou sobre o olhar dos outros diante disso, pois ainda estava cedo, mas meu Coração, ainda com medo, disse que estava na hora de me permitir.

Deixei você entrar. Você ficou hospedado em um quarto pequeno, mas parecia feliz. Não imaginava que você iria causar algum dano, pois estava muito machucada para sentir mais alguma dor.

Você prometeu me ajudar.

E me ajudou.

Você prometeu cuidar de mim.

E cuidou.

Durante esses quase 2 meses vivenciei as melhores sensações com você ao meu lado. Meu Coração estava mais feliz, calmo e leve. Meu Cérebro estava menos resistente.

Você conseguiu me mostrar que ainda posso sentir.

Sentir amor e dor.

Não posso dizer que tudo é felicidade, certo? Nesse momento, estou tentando conter minhas lágrimas na frente da minha família, mas meu Coração chora e meu Cérebro comemora segurando um cartaz com “EU TE AVISEI” escrito em letras maiúsculas.

Não consigo esconder minha dor… e não quero! Mas não pense que tenho raiva de você. Não posso sentir isso. Não sabendo das entrelinhas.

Só quero te agradecer por tudo.

— Obrigada. —  digitei após de beber mais um gole do meu café.

E espero que tenha conseguido retribuir todo o amor que você depositou em mim.

Não pense que desisti da nossa história. Continuarei aqui… Acredito que tudo tem um momento certo para acontecer. Tem pessoas que passam pelo nosso livro da vida sendo apenas frases, páginas ou capítulos…

E sei que você ainda irá preencher mais capítulos no meu livro.

Sobre as coisas que aconteceram na minha vida.

Hi, sorry.

Sei que faz mais de 1 ano que não entro aqui para conversar com você (desculpa pela minha ausência). Não “abandonei” o blog, sempre que tinha um tempo livre passava por aqui, mas me sentia bloqueada para escrever algo (estou cheia de rascunhos). No meio do caos que minha vida estava não conseguia fazer a única coisa que sempre me ajudou a colocar tudo em ordem aqui dentro e isso era algo frustrante.

Percebi que durante esse tempo que fiquei off, acabei parando de ler meus livros, escrever meus contos e esquecendo um pouco da minha essência. Não entendo ao certo como tudo isso aconteceu, mas muita coisa mudou na minha vida desde a última publicação.

Vejo a vida como uma eterna viajante que nunca consegue permanecer por muito tempo no mesmo lugar. A questão é que todo mundo passa por um processo de mudança e isso é algo inevitável. Olhando nessa perspectiva, esse blog é uma eterna viagem pelas minhas diferentes fases, pois comecei quando tinha 16 anos e agora estou com 23 anos. São 7 anos (estou velha!).

Sinceramente, friend? 2019 não foi um ano fácil para muita gente e comigo não foi diferente. Aconteceram tantas coisas boas e ruins, mas vou tentar explicar tudo de forma resumida e descontraída (é aquele eterno “se a vida te der limões, faça uma limonada”, ainda bem que sempre gostei de limão). Let’s go.


Resumão 2019
(parece aquelas matérias do Enem hahaha)

Janeiro
Tirei esse mês para descansar, pois o 9º bloco da faculdade tinha me deixado mais esgotada do que o normal. Realmente precisava de FÉRIAS! Entrei no vício do Free Fire e aproveitei para dormir mais. Já tinha um possível tema para o meu TCC e estava animada.

Fevereiro
Comecei o temido 10º bloco! A única parte boa era que só precisava ir duas vezes na faculdade, mas aconteceram algumas mudanças (sou sem sorte mesmo) nos estágios e precisei me virar para completar o estágio curricular, além de manter o meu emprego. Conheci o Leandro que se tornou um grande amigo (hi, Leozinho).

Março
Aconteceu o carnaval que deu para aliviar o estresse da faculdade e acabei me divertindo muito com os meus amigos, contudo passei pela minha primeira orientação para o TCC e minha professora não gostou nada do meu tema, ou seja, acabei reformulando tudo. Nesse mês os estágios começaram e minha rotina era divida entre ir para a cidade vizinha para o estágio na clínica escola, fazer mais 6 horas no hospital da minha cidade para ajudar na carga horária, ainda tinha as aulas, supervisões, orientações, escrever o TCC, relacionamento e trabalho (vida social não existia mais!).

Abril
Passei muita ansiedade com as primeiras provas e principalmente com a produção do TCC. Já tinha escolhido o tema, mas não conseguia encontrar muitos assuntos relacionados com o mesmo. No começo isso dificultou o meu processo de escrita e a ansiedade não ajudava muito. Estava me sentindo esgotada com a rotina dos estágios, pois quase toda a semana saia de casa as cinco da manhã e só retornava meia noite e meia.

Maio
Minha ansiedade com o TCC estava a mil. Não tinha dificuldade em escrever, a parte mais complicada estava no processo de controlar minha ansiedade (comecei até a tomar maracujina). Sempre ficava ansiosa quando ia começar a escrever, ou seja, precisava controlar a ansiedade para conseguir escrever. Era um ciclo estressante e cansativo. Ainda tinha uma cobrança enorme comigo mesma para alcançar a perfeição e sempre achava algum defeito mesmo com a minha orientadora Fabiana falando que estava ficando muito bom. Obrigada, Fabi 💖. Terminei os estágios e comecei o processo de despedida de tudo.

Junho
Esse mês foi representado por aquela música clássica “ADEUS FACULDADE, ADEUS FACULDADE, AGORA VOU CURTI A MINHA LIBERDADE” (hahaha). Aconteceram as últimas aulas e provas. Encerramento das supervisões e orientações. Despedidas com os friends. Entrega do temido TCC com o meu tema sendo “A Influência das Redes Sociais na Saúde Mental do Adolescente.” e APROVAÇÃO 🎉 (uhuuuuu) com nota 9,5.

Julho
Formatura!!! 👩‍🎓 Finalmente Psicóloga!!! 🎉 Esse ficou sendo um mês marcante na minha vida porque nunca achei que fosse conseguir chegar tão longe. Obrigada painho e mãinha 💖, visto que nada disso teria sido possível sem vocês ao meu lado me apoiando sempre!

Agosto
Festinha!!! 🎉 Tirei esse mês para organizar uma festinha de formatura com meus familiares e amigos mais íntimos. Foi tudo perfeito!

Setembro
Estava me sentindo mais leve depois que terminei a faculdade, mas a ansiedade continuava presente na minha life por conta de outros problemas pessoais. Continuava trabalhando e comecei um curso de Francês (désolé, mas acabei desistindo depois de algumas aulas). Conheci São Luís – MA e espero um dia ter a oportunidade de morar naquela cidade maravilhosa (sabe aquele sentimento de conexão? isso que aconteceu comigo). Outra coisa muito importante, no dia 25 de Setembro de 2019, comecei a fazer caminhada com minha amiga Lari (criei vergonha na cara!) e mudei minha alimentação. A realidade é que com minha rotina da faculdade não conseguia me alimentar direito e controlava minha ansiedade descontando tudo na comida, ou seja, engordei muito no último período. Isso afetou minha autoestima, tinha dias que não conseguia me olhar no espelho (???), além disso estava muito sedentária.

Outubro
Mesmo sentindo muita dificuldade nas primeiras semanas, continuei firme com a caminhada e com a alimentação mais saudável. Intensifiquei ainda mais, comecei a correr e a fazer aulas de zumba em casa com meu notebook conectado na TV (hahaha). Mesmo sendo uma rotina muito cansativa isso estava me ajudando a controlar minha ansiedade e a dormir melhor, contudo o meu peso continuava o mesmo (fiquei bem frustrada, pensei em desistir, mas continuei).

Novembro
Nessa época a balança começou a ser minha aliada no processo de mudança que estava me permitindo. Perdi 6 kg. Retornei em São Luis – MA para receber meu CRP que oficializou a realização de um sonho (uhuuuuu, psicóloga!). Terminei meu relacionamento. Iniciei um curso de formação em Suicidologia – Prevenção e Posvenção ao Suicídio com minha amiga Cíntia e para finalizar meu mês, no dia 29 de Novembro de 2019, entrei na academia (deu a louca na Luana).

Dezembro
O espelho não parecia mais tão assustador. Pela primeira vez em muito tempo estava me sentindo feliz com meu corpo. Perdi mais 2 kg. Vivenciei uma mistura de fim de ano (retrospectiva de tudo que aconteceu) com aquela vibe sofrência. Nesse tempo, participei de todos os eventos que meus amigos me convidaram, acabei bebendo tudo que não tinha bebido no ano (obrigada, Janna e Lari! 💖), rebolei a raba e, principalmente, aprendi a me amar mais. Outra coisa importante, conheci uma pessoa muito especial que me ajudou muito (obrigada, senhor Gustavo 😒💖) e comi sushi pela primeira vez na minha vida (e não gostei).

Deu pra sentir o embalo do meu ano? Esses foram apenas alguns pontos importantes, visto que aconteceram mais coisinhas em 2019 (vou deixar off).

Obrigada de coração a quem ainda visita aqui e deixa um recadinho. Prometo que irei escrever mais vezes. Que 2020 seja um ano melhor (nós que lute!). 💋

Julia.

tumblr_1689414f2022b03f38000f93ac997177_a9f5963d_500

O som ficou mais alto a medida que nos aproximávamos do palco principal, mesmo insistindo que não tinha necessidade de ficar próximo daquele lugar, Julia, continuou explicando o quanto teríamos uma vista privilegiada de lá.

Após 10 minutos nos espremendo entre as pessoas, finalmente, chegamos ao local. Não posso discordar dela, a vista era melhor, mas em consequência a música era bem mais alta que o normal.

Já era quase meia noite quando anunciaram que o DJ principal iria tocar em poucos minutos, soltamos gritinhos de alegria, fiquei empolgada e o famoso frio na barriga apareceu, maldita ansiedade, pensei comigo mesma.

Julia estava a poucos passos de distância, parecia tão serena enquanto eu estava a beira de um ataque cardíaco.

Tentei manter minha concentração voltada para os refletores, mas isso me deixou um pouco tonta, uma parte por conta da bebida rosa que já estava bebendo o terceiro copo.

Uma música começou a tocar e logo reconheço pelas batidas que é a nossa música. Olho em direção da Julia e pela sua expressão também reconheceu.

Nossos corpos começaram a se movimentar seguindo aquele ritmo.

Julia ria, cantava e dançava.

Ela segurou a minha mão. Dançamos juntas. Rodamos juntas. Esbarramos em algumas pessoas, mas nada importava naquele momento.

Estávamos felizes, aquele era nosso momento e ninguém poderia estragar.

Ela colocou suas mãos em minha cintura. Estávamos tão próximas que conseguia sentir os batimentos do seu coração.

Fomos nos aproximando mais, mais, mais… até que finalmente nosso primeiro beijo aconteceu.

Os lábios dela tocaram nos meus. Um beijo delicado de duas almas que encaixaram em uma só.

Desafio 52 semanas

Hi.

Logo farei um texto explicando a minha ausência, enquanto isso vou registrar aqui mais um desafio que quero iniciar em 2020.

Data de início: 01/01/2020
Data de término: 31/12/2020

Semana 1: Coisas que me fazem ficar feliz:
Semana 2: Eu nunca…
Semana 3: Coisas pra se fazer no calor:
Semana 4: Minhas citações preferidas são: (trechos de livros, de músicas, frases de autores, etc)
Semana 5: Fazem parte da minha wishlist:
Semana 6: Os super poderes que eu gostaria de ter se fosse um super herói seriam:
Semana 7: Eu sempre…
Semana 8: Os melhores filmes infantis que já assisti foram:
Semana 9: Pessoas que eu gostaria de conhecer / ter conhecido:
Semana 10: Minhas comidas preferidas são:
Semana 11: Meus brinquedos preferidos na infância eram:
Semana 12: Coisas pra se fazer no frio:
Semana 13: Fico sem graça quando…
Semana 14: Meus sites preferidos na internet:
Semana 15: O que há de pior no mundo virtual?
Semana 16: Isso, pra mim, não é diversão:
Semana 17: Personagens cuja vida eu gostaria de viver por um dia: (filmes, livros, seriados, etc)
Semana 18: Sinto saudades…
Semana 19: Meus seriados preferidos:
Semana 20: Fico de mau humor quando…
Semana 21: Meus piores defeitos:
Semana 22: Na minha geladeira, tem que ter:
Semana 23: Coisas que me incomodam no mundo contemporâneo:
Semana 24: Casais preferidos (filmes, seriados, livros, etc)
Semana 25: Tenho aflição de…
Semana 26: Se eu pudesse trocar de profissão, eu seria…
Semana 27: Coisas legais pra se fazer nas férias:
Semana 28: Minhas maiores “neuras” e manias são:
Semana 29: Filmes que me falam ao coração:
Semana 30: Fico impaciente com pessoas que…
Semana 31: Quando não tenho nada pra fazer, gosto de…
Semana 32: Ainda quero aprender:
Semana 33: Tenho medo de…
Semana 34: Livros que eu acho que todo mundo deveria ler:
Semana 35: Minhas piores compras foram:
Semana 36: Morro de preguiça de…
Semana 37: O que, de melhor, o mundo virtual te trouxe/traz?
Semana 38: Desculpe, mas eu acho brega:
Semana 39: Minhas melhores qualidades:
Semana 40: Meus “cheiros” preferidos são:
Semana 41: As coisas mais difíceis num relacionamento amoroso são:
Semana 42: Quer acertar no meu presente? Então me dê…
Semana 43: Músicas que eu não canso de ouvir:
Semana 44: Meus vilões preferidos são:
Semana 45: Lembra a minha adolescência:
Semana 46: Parece que todo mundo sabe _______________, menos eu:
Semana 47: Quando estou apaixonado(a) eu…
Semana 48: Nunca tive coragem de…
Semana 49: Lugares no mundo que eu gostaria de conhecer:
Semana 50: Pessoas que eu admiro:
Semana 51: Coisas que me marcaram neste ano que está acabando/ que acabou:
Semana 52: No ano que vem/Nesse ano eu quero:

 

Um beijo💋